EFE | Lausanne (Suíça)

A representante para a Política Externa da União Europeia (UE), Federica Mogherini, garantiu neste sábado que nunca se esteve tão perto de um acordo nuclear com o Irã como nas últimas semanas.

"Sempre fomos otimistas, caso contrário não estaríamos aqui. Nunca estivemos tão perto (de um acordo) como nas últimas semanas", afirmou a representante comunitária perante os jornalistas em Lausanne, onde acontecem as últimas negociações nucleares entre Irã e seis grandes potências.

A representante para a Política Externa da UE, Federica Mogherini. EFE/Valdrin Xhemaj
A representante para a Política Externa da UE, Federica Mogherini. EFE/Valdrin Xhemaj

Ela explicou que o progresso foi "substancial" e considerou o trabalho das últimas semanas como "muito positivo".

"Ainda ficam pontos que devemos trabalhar para encontrar soluções que sejam boas para todos. Podemos ter um acordo sólido que seja bom para todos", disse Federica, que antecipou em um dia sua chegada a Lausanne para participar ativamente na reta final das conversas, perante o fim do prazo estipulado para a próxima terça-feira.

Segundo a representante da UE, a preocupação de um bom acordo ser alcançado e que não permita ao Irã desenvolver armas nucleares é unânime.

"Estamos unidos nisto, não apenas como europeus, mas como comunidade internacional", concluiu.

Publicidad