EFEBrasília

A primeira-dama do país, Michelle Bolsonaro, testou positivo para o novo coronavírus, segundo informação divulgada nesta quinta-feira pela Secretaria Especial de Comunicação Social do governo.

"Ela apresenta bom estado de saúde e seguirá todos os protocolos estabelecidos. A primeira-dama está sendo acompanhada pela equipe médica da Presidência da República", diz comunicado publicado no site oficial do governo.

A informação do contágio de Michelle Bolsonaro é divulgada três dias depois que o presidente, Jair Bolsonaro, voltou a despachar no Palácio do Planalto, após também ter dado positivo em teste para o patógeno que provoca a Covid-19, em 7 de julho.

Hoje também foi confirmado caso de infecção pelo novo coronavírus do ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes. Ele é o quinto titular de pasta que dá positivo, após Augusto Heleno (do Gabinete de Segurança Institucional), Bento Albuquerque (Minas e Energia), Onyx Lorenzoni (Cidadania) e Milton Ribeiro (Educação).

De acordo com o último balanço do Ministério da Saúde, divulgado às 19h30 (de Brasília), desta quarta-feira, o Brasil tem 2.483.191 casos confirmados e 88.539 mortes em decorrência da Covid-19, desde o início da pandemia. EFE

ed/bg