Conselho das Américas reuniu os principais tomadores de decisão para discutir como a liderança está evoluindo em uma era de rupturaO crescimento dos pagamentos digitais no setor de serviços financeiros, a escassez de talentos qualificados e a necessidade de maior inclusão nas Américas estiveram entre os principais diálogos no simpósio anualPR Newswire

MIAMI, 6 de novembro de 2019

MIAMI, 6 de novembro de 2019 /PRNewswire/ -- Líderes influentes das principais empresas na região, instituições multilaterais e sociedade civil compartilharam ideias sobre as tendências nos negócios que estão redefinindo a liderança no Simpósio do Conselho das Américas (COA), realizado no Four Seasons Hotel de Miami, no dia 25 de outubro.

Após o simpósio de negócios, sete celebridades diversas foram reconhecidas na noite do 25o aniversário do BRAVO Business Awards por suas extraordinárias contribuições ao desenvolvimento econômico e social da América Latina.

"Oferecemos uma plataforma para figuras centrais discutirem um tema comum de liderança redefinido em uma era de mudanças aceleradas", afirmou a presidenta e CEO da Sociedade das Américas/Conselho das Américas, Susan Segal. "A América Latina pode superar constantes conflitos geopolíticos e fracas taxas de crescimento econômico apenas por meio de diálogo e da liderança excepcional. Somente unidos podemos resolver os problemas mais prementes".

Os principais tópicos de discussão entre executivos e especialistas incluíram atender às crescentes necessidades dos clientes empoderados, pagamentos digitais de ponta, diversidade e inclusão, e o poder das parcerias estratégicas.

Quando questionados durante o painel da manhã sobre como se adaptar a um mundo de reviravoltas constantes, Gerardo Mato, Presidente de Banco Global e Mercados-Américas do HSBC, destacou a importância dos jovens inovadores: "Precisamos abrir espaço para que eles cresçam e tenham ideias diferentes, porque é assim que vamos vencer na próxima década". Enquanto o CEO da Votorantim, João Miranda, também eleito o CEO do ano pela BRAVO Business, disse: "Para mudar, você não precisa enviar muitas pessoas para Palo Alto. A mudança vem de dentro."

No painel de discussão seguinte sobre como os pagamentos digitais transformaram o setor bancário e expandiram a inclusão financeira na América Latina, Cristina Junqueira, cofundadora do Nubank, também ganhadora do prêmio BRAVO de Empreendedor Visionário, disse que é difícil encontrar talentos para o banco digital, que busca se expandir para fora do Brasil. "O principal desafio foi e continua sendo as pessoas. Tivemos que procurar globalmente, em todos os lugares", disse ela.

Em uma conversa inspiradora com o presidente do Banco Interamericano de Desenvolvimento, Luis Alberto Moreno, que ganhou o prêmio BRAVO Legado, Carlos Vives, ganhador do Grammy falou de Tras La Perla, sua iniciativa conjunta no município em que Vives nasceu, Santa Marta, com o objetivo de promover o desenvolvimento socioeconômico na Colômbia. "O trabalho mais importante é o que fizemos para capacitar a comunidade", disse Vives, ganhador do Prêmio BRAVO de Liderança com Impacto Social, acrescentando que "criamos um sentido de propriedade e inclusão".

As sessões da tarde discutiram a redefinição do comércio transfronteiriço na economia digital e as implicações éticas e o impacto da inteligência artificial. O último painel incluiu o fundador e CEO da gA, Roberto Wagmaister, que falou sobre o enorme potencial da IA, principalmente para transformar a assistência médica.

Patrocinadores: HSBC, Bank of America, LLYC, AES Corporation, Boston Consulting Group, Microsoft, Baker McKenzie, FedEx Express, gA, IBM, Mastercard LAC, SAP e Softtek.

Organização de Apoio: Enterprise Florida.

Parceiros na mídia: CNN en Español e Financial Times.

Parceiro do Simpósio: Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

Para vídeos do Simpósio, visite: www.as-coa.org/bravo

Contatos com a Imprensa:

Yndira Marin | ymarin@llorenteycuenca.com| 1-646-386-6523.

AS/COA Media Relations | mediarelations@as-coa.org| 1-212-277-8384 | 1-212-277-8333.

Conselho das Américas (COA)é a principal organização internacional de negócios cujos membros compartilham um compromisso comum com o desenvolvimento econômico e social, os mercados abertos, o Estado de Direito e a democracia em todo o Hemisfério Ocidental. Os parceiros do Conselho das Américas são empresas líderes mundiais, representando um amplo espectro de setores como bancos e financeiras, serviços de consultoria, produtos para consumidores, energia e mineração, manufatura, mídia, tecnologia e transporte.

FONTE Council of the Americas