Rael nomeia presidente Maduro "Guia honorário da humanidade"

PR Newswire

LAS VEGAS, 31 de março de 2020 /PRNewswire/ -- "Decidi conceder o título de 'Guia honorário da humanidade' a Nicolás Maduro, presidente da Venezuela", declarou Rael, líder espiritual do Movimento Raeliano, no dia 28 de março, sábado.

O presidente Maduro é o 94o guia honorário nomeado por Rael desde 1991. A lista de guias honorários já inclui três presidentes ou ex-presidentes de países da América do Sul: presidente Morales, presidente Chávez e presidente Correa.

"O presidente Maduro, assim como os presidentes Morales, Chávez e Correa tem se dedicado a combater o efeito da colonização em suas sociedades e tentado limitar as poderosas interferências externas na administração dos seus países", explicou David Uzal, guia raeliano e líder do Movimento Raeliano na América do Sul.

Em um discurso proferido em 2013, Rael encorajou a aliança das ex-colônias para liderar uma descolonização pacífica: "Eu apoio totalmente a desamericanização", disse Rael. "Deve-se criar um movimento de ex-vítimas do imperialismo e do colonialismo euro-americano. Uma aliança de todas as vítimas agrupando a China, a Índia e a Rússia com todos os países árabes, africanos e latino-americanos seria impossível para atacar os imperialistas euro-americanos que se ocultam atrás da OTAN. (Como geralmente fazem quando qualquer país ousa questionar seu domínio.) É hora de os descendentes dos colonialistas, criminosos escravagistas, pagarem realmente pelos crimes que cometeram", acrescentou.

"A acusação e o apelo dos EUA para a captura do presidente Maduro é mais um episódio desse imperialismo sem fim que está impedindo que grandes populações, como os venezuelanos, vivam de acordo com a sua cultura e as suas decisões políticas internas", concluiu Uzal. "Os raelianos sentem-se honrados em receber o presidente Maduro como Guia honorário para a humanidade".

 

FONTE Raelian Movement

 src=