EFELos Angeles (EUA)

A estreia da oitava e última temporada de "Game of Thrones" foi assistida por 17,4 milhões de pessoas nos Estados Unidos em todas as plataformas disponibilizadas pela "HBO", seja pelo canal de televisão ou pela internet.

A melhor marca da série até então eram 16,9 milhões de espectadores que acompanharam o final da sétima temporada.

A audiência na HBO NOW, o serviço de streaming da empresa, cresceu 50% em relação ao final da sétima temporada, segundo a empresa. Em relação ao primeiro episódio, a alta é de 97%.

Nas redes sociais, a estreia da última temporada foi o episódio mais comentado da história do Twitter. Foram 5 milhões de tweets sobre a volta da série, com 11 milhões de menções no fim de semana.

Os fãs de "Game of Thrones" esperaram quase dois anos para a volta da série. Pouco se sabe sobre a história que será contada nos seis episódios restantes, mas todos esperam a grande batalha entre o Rei da Noite, no comando de seu exército de mortos, e a grande maioria dos protagonistas da série.

O primeiro episódio da oitava temporada, intitulado "Winterfell", foi aberto com um recebimento nada caloroso da população do Norte ao exército de Daenerys Targaryen e pela desconfiança que Sansa, irmã de Jon Snow, mostra em relação à mãe dos Dragões.

Além disso, Snow conhece um fato que pode mudar o rumo da série.

À espera dos spin-offs que ainda virão, o capítulo final de "Game of Thrones" será exibido em 19 de maio.