EFELos Angeles (EUA)

Bill e Melinda Gates anunciaram o divórcio nesta segunda-feira, após mais de 27 anos de casamento, ao longo dos quais fundaram uma das maiores organizações beneficentes do mundo.

"Continuaremos compartilhando nossa crença nesta missão e seguiremos trabalhando juntos na fundação, mas consideramos que não podemos crescer como casal na próxima fase de nossas vidas", explicaram em comunicado publicado em redes sociais.

O casal decidiu se separar após um período "de muita reflexão e trabalho".

"Pedimos espaço para a nossa família enquanto começamos a navegar por esta nova vida", declararam.

No texto divulgado, Bill e Melinda afirmam que educaram três filhos incríveis e que criaram uma fundação para promover uma vida "sã e produtiva".

Ainda não se sabe se o divórcio impactará de alguma forma a Bill & Melinda Gates Foundation, embora o diretor executivo da organização seja Mark Suzman.

A fundação, criada em 2000, se tornou uma das maiores organizações filantrópicas do mundo, com fundos de quase US$ 50 bilhões.

No ano passado, Bill Gates renunciou ao posto que ocupava no conselho de administração da Microsoft, empresa que fundou em 1975, com Paul Allen, para se dedicar às atividades beneficentes.