EFEBelgrado

O tenista sérvio Novak Djokovic, número um do Ranking da ATP, anunciou nesta sexta-feira a doação de um milhão de euros (cerca de R$ 5,5 milhões) às autoridades de saúde sérvias para melhorar o equipamento médico necessário no combate ao novo coronavírus.

"Nossa doação de um milhão de euros é para a compra de aparelhos respiratórios e outros equipamentos médicos. Os respiradores são agora o equipamento mais essencial para salvar vidas humanas", disse Djokovic, em entrevista coletiva por videoconferência.

"Cada um de nós está tentando ajudar nesta situação da melhor forma possível, para contribuir com nosso tempo, esforço, recursos, de qualquer forma, para estar disponível ao nosso país e para as pessoas que mais precisam", disse o tenista.

Djokovic também expressou "grande apreço aos profissionais da saúde e especialistas em todo o mundo e na Sérvia, que estão lutando pela saúde humana".

Por seu lado, sua esposa, Jelena Djokovic, diretora da Fundação Novak Djokovic, pediu mais doações que possam ajudar na luta contra a Covid-19 e anunciou a abertura de uma conta bancária para esse fim. EFE

sn/phg