EFEParis

A partir de 2020, todos os modelos que desfilarem para as marcas do grupo Kering, como Gucci, Saint Laurent, Balenciaga e Alexandre McQueen, entre outras, terão que ser maiores de 18 anos, anunciou nesta quarta-feira o conglomerado francês em comunicado.

A nova regra será aplicada a partir dos desfiles da temporada outono-inverno 2020-2021, informou o grupo Kering em comunicado.

O executivo-chefe do conglomerado, François-Henri Pinault, afirmou que "como grupo de luxo mundial, somos conscientes da influência para as novas gerações".

"Acreditamos que temos uma responsabilidade para estabelecer as melhores práticas possíveis no setor de luxo e esperamos criar um movimento que incentive outros a fazerem o mesmo", acrescentou Pinault.

Sobre essa questão, o executivo lembrou que a criação em 2017 de uma "cartilha" de relações trabalhistas e para o bem-estar dos modelos, junto com outra grande companhia francesa do setor, a LVMH, já tinha representado "um grande progresso" ao estabelecer uma idade mínima de 16 anos.

Elevar agora essa idade mínima para 18 anos constitui um novo sinal de "progresso".

Na cartilha de 2017, as duas empresas também proibiram a utilização de mulheres com manequim 32 e de homens com manequim 34, que correspondem a pessoas extremamente magras. EFE

ac/ff/rpr