EFERoma

A Itália registrou, nesta terça-feira, 10.874 novas casos de covid-19 nas últimas 24 horas, regressando aos níveis dos dias anteriores após uma pequena redução no fim de semana, quando foram feitos menos testes.

De acordo com esses dados do Ministério da Saúde, o país acumula agora 439.449 casos do novo coronavírus desde o início da pandemia, em meados de fevereiro.

Já o número de mortes registrado entre ontem e hoje foi de 89, chegando a 36.705 vítimas até o momento.

Neste dia, quando foram realizados quase 145 mil testes de rastreamento, o número de pacientes internados continuou a aumentar, chegando a atuais 8.454 em todo o país e 870 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

Por região, a Lombardia continua sendo a mais atingida, como na primeira onda da pandemia, com 2.023 novas infecções desde ontem.

Em seguida vem Piemonte, também no norte da Itália, com 1.396 novos casos; Campânia, ao sul, com 1.312 novos casos, e Lacio, com 1.224.

As regiões estão adotando medidas para enfrentar o aumento das infecções, e tanto a Lombardia quanto a Campânia estabeleceram um toque de recolher noturno entre 23h e 5h.

Já Piemonte decidiu fechar os shoppings durante o fim de semana e novas medidas são esperadas de outras partes do país, somando-se às restrições já estabelecidas pelo governo central. EFE

vh/phg