EFEParis

O presidente da França, Emmanuel Macron, recebeu nesta terça-feira no Palácio do Eliseu os diretores da companhia farmacêutica Sanofi, a quem cobrou um acesso universal à vacina desenvolvida contra a Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus.

O chefe de governo se encontro com o presidente da empresa, Serge Weinberg; o diretor-geral, Paul Hudson, e o responsável pela administração da companhia na França, Olivier Bogillot, dias depois que surgiu a notícia de que a Sanofi teria dado prioridade aos Estados Unidos na distribuição do medicamento.

O encontro durou cerca de 45 minutos e, segundo o gabinete de Macron, foi dito que a Sanofi concorda com a posição do governo do país sobre o acesso universal à vacina, "com o objetivo de fazer um bem público mundial".

Além disso, também foi debatida a necessidade de garantir um planejamento europeu coordenado, sobre a busca de uma vacina, assim como na véspera já tinham concordado o presidente da França e a chanceler da Alemanha, Angela Merkel. EFE

lmpg/bg