EFEMadri

O argentino Lionel Messi, do Barcelona, teve cartão amarelo mantido e ainda foi multado nesta terça-feira por ostentar a camisa do Newell's Old Boys, como forma de homenagear o ex-jogador Diego Maradona, que morreu na semana passada.

O astro do clube catalão, ao marcar o quarto gol na vitória sobre o Osasuna por 4 a 0, em partida disputada no último domingo, pelo Campeonato Espanhol, tirou a camisa da equipe catalã e revelou a da equipe de Rosario, de que é torcedor, e que 'El Pibe' defendeu em 1993 e 1994.

Logo depois, o atacante argentino dos 'Blaugranas' recebeu cartão amarelo.

O Barcelona chegou a enviar uma defesa por escrito de Messi, destacando que o jogador desejava fazer uma homenagem a um dos maiores futebolistas de todos os tempos, de quem era fã declarado, e que morreu na última quarta-feira, de insuficiência cardíaca.

"Circunstâncias excepcionais justificariam deixar sem efeito o cartão amarelo", apontou o clube.

O Comitê de Competições da liga que organiza o Campeonato Espanhol, no entanto, além de manter a punição dada em campo, ainda aplicou uma multa de 600 euros (R$ 3,8 mil) a Messi. Já o Barcelona terá que pagar 180 euros (R$ 1,1 mil) como punição.

Tanto o jogador, como o clube, ainda apresentar recurso no Comitê de Apelações da entidade, o que a diretoria 'blaugrana' já antecipou que será feito. EFE

lm/bg