EFERoma

O navio humanitário Ocean Viking, operado pelos Médicos Sem Fronteiras e pela SOS Méditerranée, resgatou na noite de quinta-feira 39 pessoas que estavam a bordo de um barco de madeira a 55 quilômetros da costa da Líbia.

No Twitter, as ONGs explicaram que a operação de resgate ocorreu em meio a fortes ondas e ventos.

O navio retornou à área de resgate do Mediterrâneo central depois de ter desembarcado 159 migrantes no porto de Taranto, na região da Apúlia, na Itália, no último dia 23 de dezembro.

Nesta semana, também chegaram aos portos italianos cerca de 237 migrantes resgatados pela guarda marítima alemã e os salvos pelo navio espanhol Open Arms.

Os 237 migrantes salvos pela Open Arms e Sea Watch desembarcaram depois que França, Alemanha, Portugal e Irlanda concordaram em "receber os requerentes de asilo".