EFEAssunção

O Palmeiras poderia ter se garantido nas oitavas de final da Taça Libertadores nesta quarta-feira com duas rodadas de antecipação, mas empatou com o Guaraní em 0 a 0 no estádio Defensores del Chaco, em Assunção, e ainda precisa de ao menos um ponto para se garantir entre os 16 melhores.

O jogo na capital paraguaia foi de poucos lances de perigo. A melhor tentativa dos visitantes foi um chute de muito longe de Gabriel Menino, que obrigou o goleiro Servio a fazer grande defesa.

Ainda na primeira etapa, aos 29, Fernando Fernández teve espaço pelo meio e também arriscou de fora da área. A bola resvalou na trave e foi pela linha de fundo. Dez minutos depois, Florentín limpou Felipe Melo e levaria perigo, mas Gustavo Gómez salvou o atual campeão paulista.

Também foi da equipe mandante a principal jogada do segundo tempo. Aos 38 minutos, Ramires vacilou na saída de jogo, Domínguez arrematou cruzado e errou o alvo por centímetros.

Ainda invicto nesta Libertadores, o Palmeiras lidera o grupo B, com dez pontos, três a mais que o Guaraní, segundo colocado. O Bolívar, que na terça-feira empatou com o Tigre em 1 a 1 em Buenos Aires, é terceiro, com quatro, enquanto o time argentino tem apenas um ponto e segura a lanterna.

Dessa forma, o Alviverde precisa apenas de um empate com o atual campeão boliviano daqui a uma semana, no Allianz Parque, para se classificar sem depender de outros resultados. EFE

dr/rd