EFERedação Central

O Porto, que venceu confronto direto com o Feyenoord, a Roma, mesmo empatando em casa com o modesto Wolfsberg, o Rangers, o Istanbul Basaksehir e o Ludogorets se tornaram nesta quinta-feira, nas partidas iniciadas às 17h (de Brasília), os cinco últimos times a se classificarem para a fase de 16 avos de final da Liga Europa.

Esses cinco concorrentes se juntaram a outras 19 equipes que já haviam avançado na fase de grupos da competição e aos oito terceiros colocados da fase de grupo da Liga dos Campeões - Club Brugge, Olympiacos, Shakhtar Donetsk, Bayer Leverkusen, Red Bull Salzburg, Inter de Milão, Benfica e Ajax. O sorteio dos confrontos acontecerá na próxima segunda-feira, às 9h (de Brasília), em Nyon, na Suíça.

No Estádio do Dragão, o começo de partida foi eletrizante, com cinco gols em pouco mais de meia hora. O Porto abriu 2 a 0, com Luis Díaz e Malacia, contra, e sofreu o empate, graças ao brasileiro Eric Botteghin e a Larsson, mas depois voltou a ficar à frente, em dividida do próprio Botteghin com o compatriota Tiquinho Soares, que mandou para a rede.

Na segunda etapa, os donos da casa, com os brasileiros Pepe, Alex Telles e Otávio em campo, além de Soares, segurou o resultado, que os levou à liderança do grupo G, com dez pontos, contra cinco do Feyenoord, lanterna.

O outro classificado da chave, na segunda posição, com nove pontos, foi o Rangers, do técnico Steven Gerrard. O time escocês empatou com o Young Boys, da Suíça, em 1 a 1 em Glasgow, ficou com um ponto a mais que o adversário e avançou para um mata-mata continental pela primeira vez desde a temporada 2010-2011, quando caiu nas oitavas da própria Liga Europa.

Jogando apenas "para o gasto" e com o zagueiro Juan Jesus no banco, a Roma empatou com o Wolfsberg, da Áustria, em 2 a 2, e obteve a segunda colocação do grupo J, com nove pontos, um a menos que o líder Istanbul Basaksehir.

A equipe turca, com o brasileiro Júnior Caiçara entre os titulares, ia sendo eliminada até os 46 minutos do segundo tempo, mas um gol de Crivelli nos acréscimos proporcionou a vitória sobre o Borussia Mönchengladbach por 2 a 1 de virada em pleno Borussia-Park e a levou a dez pontos. Dessa forma, o atual líder do Campeonato Alemão ficou pelo caminho, com oito.

O outro classificado do segundo bloco de jogos pela última rodada foi o Ludogorets, que empatou com o Ferencvaros em 1 a 1, em confronto direto na Bulgária, e somou oito pontos no grupo H, contra sete do representante húngaro.

O líder da chave foi o Espanyol, do zagueiro Naldo, que encerrou a campanha na fase de grupos com uma derrota para o CSKA Moscou, previamente eliminado, por 1 a 0 em pleno estádio Cornellà-El Prat. A derrota quebrou uma sequência invicta de 26 partidas do time catalão em competições europeias.

O Manchester United, que já havia garantido vaga na próxima fase antecipadamente, obteve a liderança do grupo L ao derrotar o Az Alkmaar por 4 a 0 em confronto direto disputado em Old Trafford, deixando o time holandês em segundo lugar. O meia Andreas Pereira mais uma vez foi titular dos 'Diabos Vermelhos', enquanto o volante Fred permaneceu entre os reservas.

No outro duelo da chave, que serviu apenas para cumprir tabela, também houve goleada: o Partizan ganhou do Astana por 4 a 1 em Belgrado.

Com gol do brasileiro Paulo Otávio, ex-jogador de Coritiba e Paysandu, entre outros o Wolfsburg bateu o Saint-Étienne por 1 a 0 na Volkswagen Arena. No entanto, os 'Lobos', que já estavam classificados, não conseguiram a liderança do grupo I, que ficou com o Gent. Em casa, a equipe belga venceu o Olexandriya, da Ucrânia, por 2 a 1.

No grupo K, quem terminou no topo foi o Braga, que derrotou o Slovan Bratislava por 4 a 2 na Eslováquia. A equipe portuguesa foi a 14 pontos, um a mais que o Wolverhampton, que goleou o Besiktas por 4 a 0 na Inglaterra.