EFERedação Central

O finlandês Valtteri Bottas, da Mercedes, desbancou nesta sexta-feira o britânico Lewis Hamilton, companheiro de equipe e líder do Mundial de Pilotos, e liderou o primeiro treino livre para o Grande Prêmio de Portugal.

No Autódromo Internacional do Algarve, localizado na cidade de Portimão, o dono do carro 77 cravou o tempo de 1min18s410, que foi 339 milésimos melhor do que o obtido pelo hexacampeão, que pode se tornar o maior vencedor da história da Fórmula 1, se ganhar a prova deste fim de semana, com 92 vitórias.

O holandês Max Verstappen, da Red Bull, terminou em terceiro na primeira atividade do GP de Portugal, com o com tempo de 1min19s191. Na sequência, ficou o monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, que chegou a ter problemas durante a atividade, com escapada em uma das tentativas de volta rápida.

O 'top-10' do treino teve o tailandes Alexander Albon, da Red Bull, em quinto, seguido pelo espanhol Carlos Sainz, da McLaren; o mexicano Sergio Pérez, da Racing Point; o finlandês Kimi Raikkonen, da Alfa Romeo; o australiano Daniel Ricciardo, da Renault; e o francês Pierre Gasly, da AlphaTauri.

Ganhador da mais recente etapa da temporada da Fórmula 1, disputada na Alemanha, Hamilton pode se tornar o piloto com mais vitórias na categoria, 92, deixando para trás o alemão Michael Schumacher, que encerrou a carreira com 91.

O britânico lidera o Mundial de Pilotos com 230 pontos, 69 a mais que Bottas. A frente para Verstappen, por sua vez, é de 83 pontos. EFE

caf/bg