EFESevilha (Espanha)

O Sevilla anunciou nesta terça-feira a prorrogação por mais dois anos - até 30 de junho de 2024 - do volante brasileiro Fernando Reges, que chegou ao clube em 2019 e cujo contrato terminaria no final desta temporada.

Fernando, de 34 anos, por quem o Sevilla pagou pouco menos de 5 milhões de euros ao Galatasaray, da Turquia, rejeitou algumas ofertas para voltar ao Brasil. Ele foi vendido pelo Vila Nova ao Porto, em 2007, iniciando sua longa carreira no futebol europeu.

Nas duas temporadas e meia que está no Sevilla, o jogador disputou 110 partidas - 83 na Liga, 13 na Liga dos Campeões da Europa, sete na Liga Europa, seis na Copa do Rei e uma na Supercopa da Uefa -, marcando sete gols e dando nove assistências, além de conquistar um título da Liga Europa em 2020.

O brasileiro é titular absoluto e um pilar de sustentação, sobretudo nas tarefas de contenção, no esquema do treinador Julen Lopetegui por proporcionar à equipe um grande equilíbrio, quer atuando como volante ou na zaga.

Com a prorrogação do contrato, o Sevilla destaca que, pelo menos até 2024, quando o brasileiro estará com 36 anos, a equipe garante "autoridade, hierarquia, ubiquidade, dedicação e elegância com Fernando Reges" no seu plantel. EFE