EFERedação Central

O britânico Lewis Hamilton, da Mercedes, ampliou a vantagem na liderança do Mundial de Fórmula 1 neste domingo ao vencer o Grande Prêmio da Grã-Bretanha pela sexta vez, alcançando a marca de 80 vitórias na carreira.

Hamilton venceu a décima prova do campeonato ao cruzar a linha de chegada 24s928 à frente do companheiro de equipe, Valtteri Bottas, que havia largado na pole position e terminou em segundo. O britânico lidera o Mundial com 223 pontos, enquanto o finlandês segue na vice-liderança, com 184.

A ultrapassagem do britânico ocorreu quando Bottas fez a primeira das duas paradas. A partir de então, Hamilton administrou a situação com perfeição e inclusive fez a volta mais rápida da prova.

O terceiro colocado no circuito de Silverstone foi o monegasco Charles Leclerc, da Ferrari, seguido pelos dois pilotos da Red Bull, o francês Pierre Gasly, em quarto, e o holandês Max Verstappen, que fechou a corrida em quinto e ocupa a terceira posição na classificação geral, com 136 pontos.

Verstappen chegou a brigar pelo terceiro lugar, mas foi prejudicado ao danificar a parte traseira do carro em um choque com a Ferrari do alemão Sebastian Vettel, que foi penalizado em 10 segundos e terminou na 16ª posição. Logo após o término da corrida, Vettel pediu desculpas a Verstappen.

O espanhol Carlos Sainz, da McLaren, foi o sexto, após resistir aos ataques do australiano Daniel Ricciardo, da Renault. O finlandês Kimi Raikkonen, da Alfa Romeo, terminou em oitavo, à frente do russo Daniil Kvyat, da Toro Rosso, e do alemão Nico Hülkenberg, da Renault, que fechou a lista dos dez primeiros colocados. EFE

vmc/vnm