EFERedação Central

A equipe Alpine (antiga Renault) de Fórmula 1) anunciou nesta segunda-feira que o piloto espanhol Fernando Alonso poderá continuar a se recuperar em casa, após ter passado 48 horas em observação em um hospital em Berna, na Suíça.

O bicampeão mundial deixou o hospital onde foi submetido a uma cirurgia na mandíbula na sexta-feira passada, após o acidente de bicicleta sofrido um dia antes, perto de sua casa na cidade de Lugano, no sul do país.

Em comunicado, a Alpine explicou que Alonso terá que permanecer "em repouso absoluto durante um curto período de tempo, antes de retomar progressivamente os treinos para o início da temporada". Assim, Alonso poderá estar no começo da temporada de Fórmula 1, entre 26 e 28 de março, no Bahrein.

O ACIDENTE.

Na última quinta-feira, Alonso colidiu com a parte direita de um carro que cruzava uma rua para acessar um supermercado, em Lugano, na Suíça.

No mesmo dia, o piloto foi encaminhado para um hospital de Berna, onde foi submetido a uma cirurgia maxilo facial, para corrigir a mandíbula superior, afetada pelo acidente, em que também perdeu vários dentes.

Na sexta-feira, a Alpine divulgou que o procedimento havia sido bem-sucedido e que o espanhol ainda permaneceria mais 48 horas internado, em observação.