EFEDakar

A Guiné confirmou nesta quarta-feira o cancelamento de sua participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio devido à pandemia da Covid-19.

"O governo da República da Guiné, ansioso para preservar a saúde dos atletas guineenses, decidiu com pesar cancelar a sua participação na 32ª Olimpíada, programada para Tóquio", declarou o Ministério dos Esportes em um comunicado divulgado pelo portal "Guinéenews".

Alertas já haviam sido emitidos nos últimos dias devido a atrasos no embarque da delegação guineense, embora alguns membros da delegação já estivessem no Japão. Finalmente, havia sido anunciado que eles sairiam de avião nesta terça-feira, com muito pouco tempo para recuperação física e aclimatação. Entretanto, as passagens de avião também não foram emitidas.

Segundo o "Guinéenews", esta será a terceira vez que o país da África Ocidental não participa dos Jogos Olímpicos, depois de Munique 1972 e Montreal 1976.

A equipe olímpica guineense era composta pela velocista Aissata Deen Conte; os nadadores Mamadou Bah e Mariana Touré; a judoca Mamadou Samba Bah; e a lutadora Fatoumata Camara.

No caso desta última, ela mesma já havia anunciado nesta semana que não participaria de Tóquio 2020 a menos que a Guiné resolvesse o não pagamento de bônus devido a ela, tanto por sua participação nos Jogos quanto pelo desempenho em eventos esportivos anteriores. EFE

dk-ngp/dr