EFEBerlim

Os jogadores, integrantes da comissão técnica de dirigentes do Bayern de Munique terão uma redução salarial voluntária de 20%, como gesto de solidariedade em meio à pandemia do novo coronavírus, para evitar cortes de pessoal, segundo informações divulgadas nesta terça-feira pelo jornal "Bild".

A decisão foi tomada conjuntamente pelo presidente do conselho diretivo, Karl-Heinz Rummenigge, o diretor esportivo, Hasan Salihamidzic, e representantes do elenco, como o capitão Manuel Neuer, Thomas Müller, David Alaba e Thiago Alcantara.

O Bayern suspendeu todas as atividades, e a Allianz Arena foi fechada, assim como todos os outros estádios do Campeonato Alemão. Alguns jogadores vêm se exercitando em suas casas, muitas vezes concomitantemente, conversando por videoconferência. "É uma forma de manter o espírito de equipe", declarou Müller ao site do clube bávaro.