EFECairo

Autor da assitência que resultou no gol do título da Copa Africana de Nações, o meia argelino Ismaël Bennacer foi eleito nesta sexta-feira o melhor jogador da 32ª edição do torneio continental.

O meia, de 21 anos, também foi escolhido como o melhor jogador jovem da competição. Bennacer teve uma curta passagem pelo Arsenal, onde não foi aproveitado, e hoje defende o Empoli, mas está próximo de assinar com o Mialn para a próxima temporada.

A Argélia conquistou o título pela segunda vez na história ao vencer Senegal por 1 a 0 na final, com um gol de Baghdad Bounedjah logo aos dois minutos de jogo. Além do troféu e dos prêmios de Bennacer, a seleção argelina também teve Rais M'Bolhi como o melhor goleiro da competição.

O artilheiro do torneio foi o nigeriano Odion Ighalo, que marcou cinco gols, inclusive o da vitória por 1 a 0 sobre a Tunísia, na quarta-feira passada, na disputa pelo terceiro lugar.