EFEMadri

Com um gol de pênalti a cerca de 15 minutos do apito final, o Real Madrid venceu o Getafe por 1 a 0 nesta quinta-feira, no estádio Alfredo di Stéfano, abriu quatro pontos de vantagem na liderança e ficou mais perto de conquistar o título do Campeonato Espanhol.

Aos 34 minutos do segundo tempo, Mathias Olivera derrubou Carvajal na área, e o árbitro marcou a penalidade. Sergio Ramos cobrou e converteu, garantindo o 22º triunfo do Real nesta edição de 'La Liga'.

A cinco rodadas do fim do campeonato, o time dirigido por Zinedine Zidane soma 74 pontos, contra 70 do segundo colocado, o Barcelona, que na última terça empatou com o Atlético de Madrid em 2 a 2. Para ser campeã, a equipe catalã precisa somar cinco pontos a mais que a rival, já que leva a pior no primeiro critério de desempate, o confronto direto.

Já o Getafe, que obteve apenas uma vitória nas seis partidas que disputou depois da interrupção da temporada provocada pela pandemia da Covid-19, está cada vez mais distante da Liga dos Campeões. O time ocupa a sexta posição, com 52 pontos, a cinco do Sevilla, que é quarto e fecha a zona de Champions.

Houve quatro brasileiros em campo, todos pelo lado dos donos da casa. O volante Casemiro foi titular, enquanto o zagueiro Éder Militão e os atacantes Vinícius Júnior e Rodrygo entraram no decorrer do confronto. O lateral-esquerdo Marcelo, por sua vez, permaneceu no banco durante os 90 minutos.