EFEMadri

O Real Madrid confirmou nesta sexta-feira, em breve comunicado no site oficial, que o técnico Zinedine Zidane testou positivo para a covid-19.

"O Real Madrid comunica que nosso treinador Zinedine Zidane testou positivo para a covid-19", anunciou o clube, enquanto o elenco realizava o último treino antes da partida contra o Alavés, no sábado, pela 20ª rodada do Campeonato Espanhol.

Sem Zidane, as atividades foram comandadas por David Bettoni, Em entrevista coletiva, o auxiliar revelou que já conversou com o técnico e que o francês está bem.

"Falei com o treinador nesta manhã e ele estava bem. Um pouco triste por não poder estar conosco. Não estará fisicamente, mas certamente estará nos apoiando", comentou.

Também foi infectado recentemente o treinador do Real Madrid B, o ex-atacante Raúl González. No time principal, Éder Militão, Casemiro e Eden Hazard já se recuperaram da covid-19.

Bettoni também falou sobre o atual momento de Zidane no cargo. O francês está pressionado após a vexatória eliminação do clube na Copa do Rei diante do modesto Alcoyano, da terceira divisão.

"Todas as manhãs ele está sorrindo, alegre, com vontade de treinar. Queremos continuar lutando, temos sorte de treinar o Real Madrid e aproveitamos cada dia com os nossos jogadores. O técnico (Zidane) gosta do futebol, é sua paixão. Há momentos complicados no futebol", analisou.

Esta será a primeira vez que Bettoni comandará a equipe do Real Madrid em uma partida oficial por causa da ausência de Zidane.

"Vivo isso de duas formas. A primeira, claro, triste porque Zizou não vai estar conosco fisicamente. Por outro lado, quero continuar sendo eu memso e vou acompanhar os jogadores. Vou me adaptar e continuarei sendo o mais natural possível", explicou.