EFELondres

Manchester City e Manchester United se classificaram com tranquilidade para as quartas de final da Copa da Liga nesta quarta-feira, dia que também contou com classificação suada do Newcastle, nos pênaltis, e goleada do Everton, com direito a gol de Richarlison.

Com Ederson no banco e Fernandinho titular, a equipe treinada por Josep Guardiola venceu, por 3 a 0, e eliminou o Burnley. O nome do jogo foi Raheem Sterling, autor dos dois primeiros gols e da assistência para Ferran Torres, que fechou a conta no estádio de Turf Moor.

Também fora de casa, o United derrotou o Brighton pelo mesmo placar. Com Fred entre os titulares, o time comandado por Ole Gunnar Solskjaer abriu o placar com Scott McTominay no primeiro tempo. Na segunda etapa, Juan Mata, que havia dado a assistência, ampliou a vantagem. Em cobrança de falta que desviou na barreira, Paul Pogba, que tinha começado no banco, deu números finais à partida.

Outro que se classificou como visitante foi o Newcastle, mas de maneira dramática. O Newport County, que disputa a quarta divisão do Campeonato Inglês, saiu na frente logo aos cinco minutos do primeiro tempo, com Teistan Abrahams, e a vantagem perdurou até os 42 da etapa final, quando Jonjo Shelvey empatou.

Na disputa de pênaltis, o atacante brasileiro Joelinton, que havia entrado no segundo tempo, desperdiçou uma cobrança, mas Ryan Taylor e Brandon Cooper perderam pelo lado do Newport County, que acabou sendo eliminado por 5 a 4.

Em Goodison Park, o Everton avançou no torneio ao golear o West Ham, por 4 a 1, com um gol de Richarlison e 'hat-trick' de Dominic Calvert-Lewin, o destaque da partida.

O artilheiro do jogo abriu o placar aos 11 minutos do primeiro tempo, e a reação só veio no segundo, quando Robert Snodgrass igualou logo no primeiro lance.

Dez minutos depois, ao receber passe de James Rodríguez perto do círculo central, Richarlison disparou sozinho pela esquerda, cortou para o meio e arriscou de fora. A bola desviou na zaga, enganou o goleiro rival e só parou na rede. Calvert-Lewin completou a goleada aos 33 e 39 minutos.