EFERedação Central

O árbitro Wilton Pereira Sampaio e os auxiliares Rodrigo Figueiredo Henrique Correa e Bruno Boschilia foram anunciados nesta quarta-feira como os representantes da Conmebol no Campeonato Mundial de Clubes, que acontecerá em dezembro, nos Emirados Árabes.

O goiano, de 36 anos, já apitou jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, e chegou a ir para a Rússia, mas como um dos integrantes da equipe de vídeo. Curiosamente, Wilton repetirá hoje a função, na final da Copa do Brasil, entre Corinthians e Cruzeiro, depois de ter trabalhado na partida de ida, no Mineirão.

Rodrigo e Bruno também estarão na Arena Corinthians, como auxiliares.

No Mundial de Clubes, que ainda não tem o representante da América do Sul definido - Grêmio e River Plate; e Palmeiras e Boca Juniors fazem as semifinais -, o árbitro de vídeo escolhido pela Conmebol foi o argentino Mauro Vigliano.

Cada confederação continental conta com um trio de arbitragem, com destaque para o italiano Gianluca Rocchi, que apitou o jogo entre Brasil e México, pelas oitavas de final da Copa do Mundo, além de outras duas partidas da competição.

Dois seis árbitros escolhidos, só o neozelandês Matt Conger já trabalhou no Mundial de Clubes, nas edições de 2015 e 2017, sem nunca, no entanto, apitar partida de equipe sul-americana ou europeia.

Até o momento, quatro dos sete participantes da competição são conhecidos, o Real Madrid, da Espanha, o Chivas Guadalajara, do México, e o Team Wellington, da Nova Zelândia, campeões continentais, alem do Al-Ain, representante dos Emirados Árabes.

Ainda falta a definição dos classificados de América do Sul, África e Ásia.

Confira os trios de arbitragem escolhidos para o Mundial de Clubes da Fifa:.

- AFC: Ryuji Sato, Toru Sagara e Hiroshi Yamauchi (Japão).

- CAF: Mehdi Abid Charef, Abdelhak Etchiali (Argélia) e Anouar Hmila (Tunísia).

- CONCACAF: Jair Marrufo, Frank Anderson e Corey Rockwell (Estados Unidos).

- CONMEBOL: Wilton Pereira Sampaio, Rodrigo Figueiredo e Bruno Boschilia (Brasil).

- OFC: Matt Conger, Mark Rule (Nova Zelândia) e Tevita Makasini (Tonga).

- UEFA: Gianluca Rocchi, Elenito Di Liberatore e Mauro Tonolini (Itália).