EFEBerlim

A Alemanha continua na média de 1,5 mil infecções diárias do novo coronavírus, e a chanceler Angela Merkel busca um consenso com as potências regionais para harmonizar medidas conjuntas para tentar conter a pandemia.

Segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Instituto Robert Koch (RKI), nas últimas 24 horas foram registrados 1.507 novos casos na Alemanha.

É um número um pouco inferior ao registrado ontem - 1.576 -, ainda mais depois do último sábado, com 2.034 casos, o maior nível desde o final de abril. O pico aconteceu entre o final de março e início de abril, com mais de 6 mil novas infecções.

Até o momento, a Alemanha registrou 237.936 casos, dos quais 211.900 são pacientes recuperados, enquanto o número de mortes por Covid-19 está em 9.285.

Nas últimas semanas, vem ocorrendo uma tendência contínua de aumento de casos, depois que no final de junho, o número de novas infecções era de 350 por dia. A partir dessa situação subiu para 800 a 950 em julho, e agora ultrapassa a marca de mil em agosto.

Merkel convocou uma reunião virtual para esta quinta-feira com os líderes dos 16 estados federados em busca de linhas comuns para conseguir conter novamente a curva de infecção.

O retorno à atividade escolar ocorre na Alemanha de forma escalonada, de acordo com a prática de seu sistema federal. Entre julho e o início de agosto, alunos de dez estados federados voltaram às aulas, enquanto os últimos a fazê-lo, já em setembro, serão os da Baviera.

De acordo com as estimativas do RKI, o regresso à escola não tem sido o principal fator para o aumento de novas infecções. Estes resultaram principalmente de reuniões familiares, eventos religiosos, festas ou durante férias no exterior.

Merkel pretende chegar a um consenso com os estados federados sobre uma série de medidas comuns, apesar das variações regionais que podem surgir de sua implementação.

Entre outras medidas, o governo federal pretende prorrogar até janeiro a proibição de grandes eventos públicos, que deveria ser suspensa no final de outubro. EFE

gc-egw/phg