EFEBerlim

A Alemanha nesta quinta-feira, mais uma vez, ultrapassou mais uma vez a marca de 2 mil novos casos de Covid-19 em 24 horas, após ter chegado a 2.297 infecções no último sábado, o nível mais alto desde o mês de abril.

Segundo dados do Instituto Robert Koch (RKI) de virologia, atualizados hoje, as autoridades sanitárias alemãs registraram 2.143 novas infecções nas últimas 24 horas, enquanto o número de mortes por Covid-19 aumentou em 19, chegando a 9.428.

O número total de positivos desde o anúncio do primeiro caso no país, no final de janeiro, é de 278.070 e cerca de 246,9 mil pessoas já superaram a doença, sendo que o número de casos ativos chega a cerca de 21,7 mil.

O pico das infecções havia sido registrado entre o final de março e o início de abril, com mais de 6 mil novas infecções diárias, os números caíram posteriormente e a partir do final de julho voltaram a subir.

Enquanto isso, as autoridades alemãs incluíram ontem regiões de 11 países da União Europeia (UE) em sua lista de áreas de risco devido ao aumento crescente das infecções pelo novo coronavírus.

Os países para os quais um aviso de uma advertência para não viajar figuram pela primeira vez regiões na Dinamarca, Portugal, Irlanda e Eslovênia, enquanto mais áreas foram acrescentadas na França, República Tcheca, Holanda, Croácia, Romênia, Áustria e Hungria. EFE

egw/phg