EFEGenebra

Os casos globais de Covid-19 aumentaram nesta terça-feira para 31,1 milhões, após as confirmações de 272 mil novas infecções nas últimas 24 horas, enquanto as mortes subiram para 962.008, de acordo com o último boletim da Organização Mundial da Saúde (OMS).

O continente americano soma 15,6 milhões de casos. Em seguida vem o Sul da Ásia com 6,2 milhões, e a Europa, com 5,2 milhões, concentrando mais de 80% de casos positivos confirmados no planeta.

A Europa é a região que mostra uma curva ascendente mais clara de casos diários, atingindo 70 mil novas infecções em alguns dias, enquanto o continente americano e o Sul da Ásia se estabilizaram acima da marca dos 100 mil.

Os Estados Unidos e a Índia continuam sendo os países com mais casos absolutos, com 6,7 e 5,5 milhões, respectivamente, seguidos do Brasil com 4,5 milhões, sendo os responsáveis por mais da metade das infecções confirmadas entre as três nações.

Em termos de vítimas, após as 198 mil mortes nos EUA (embora a Universidade Johns Hopkins já calcula mais de 200 mil), o Brasil soma 136 mil e a Índia, 88 mil.

Os pacientes recuperados no planeta chegam a 23,1 milhões, aproximadamente três em cada quatro diagnosticados com o novo coronavírus.

Dos mais de 7 milhões de pacientes ativos, apenas 1% (cerca de 61 mil) está em estado grave ou crítico, um percentual que permanece estável há alguns meses.