EFELondres

A rainha Elizabeth II, de 95, está descansando e consegue realizar "breves tarefas", após ter recebido alta de um hospital em Londres, no Reino Unido, segundo informaram nesta sexta-feira veículos de imprensa locais.

A monarca havia sido internada na noite da última quarta-feira, para ser submetida a "exames preliminares".

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, enviou uma mensagem de "melhores desejos" à rainha, que está repousando no castelo de Windson, nos arredores de Londres, segundo informou hoje um porta-voz da residência oficial de Downing Street.

A fonte não disse, no entanto, se o chefe de governo teve a audiência semanal com a rainha.

Elizabeth II precisou cancelar a visita oficial que faria à Irlanda do Norte, por recomendação dos médicos.

A monarca voltou para o castelo de Windsor por volta do meio-dia de ontem, após receber alta do hospital privado King Edward II, em Londres, onde foi submetida a vários exames médicos, que não foram detalhados.

Um fonte ligada à família real, citada pela imprensa britânica, indica que a situação da rainha segue a mesma de ontem, com ela descansando e fazendo tarefas como ler documentos oficiais, por exemplo.

Esta foi a primeira internação de Elizabeth II desde 2013, quando ela precisou passar a noite em uma clínica particular, para ser tratada de sintomas de uma gastroenterite. EFE