EFEMoscou

Pelo menos uma pessoa morreu e outras sete ficaram feridas em uma explosão ocorrida nesta segunda-feira, supostamente devido a um vazamento de gás, em um edifício de apartamentos na cidade de Shajty, no sul da Rússia, informaram as autoridades locais.

Como resultado da explosão, que aconteceu no nono andar do imóvel, ficaram destruídos quatro apartamentos, entre cujos escombros os socorristas buscam outros possíveis sobreviventes, uma vez que há quatro pessoas desaparecidas, segundo o Ministério para Situações de Emergência da Rússia.

"Foi uma explosão de gás. Isso é certo", disse aos jornalistas o governador da região de Rostov, Vasyl Golubev, sem esperar os resultados da investigação correspondente.

Cerca de 140 pessoas foram evacuadas do edifício acidentado, segundo as autoridades, que asseguraram que os afetados receberão "toda a ajuda necessária".

"Os especialistas analisarão ainda o estado da estrutura do edifício para determinar se continua sendo habitável", disse o prefeito de Shajty, Andrei Kovalev, citado pela agência "Interfax".

No último dia 31 dezembro, uma explosão, também supostamente causada por um vazamento de gás, provocou a queda de um edifício residencial na cidade de Magnitogorsk, nos Urais, matando 39 pessoas.