EFERoma

Um funcionário da Secretaria de Estado do Vaticano, que vive na residência oficial o para Francisco, foi hospitalizado após ter dar positivo para o novo coronavírus, segundo publicou nesta quarta-feira o jornal italiano "Il Messaggero".

A pessoa, que não teve a identidade revelada, mora na casa Santa Marta, onde o líder da Igreja Católica tem passado a maior parte dos dias desde a crise global provocada pelo patógeno, e devido a gripe que o acometeu cerca de um mês atrás, inclusive levantando suspeitas sobre o pontífice ter contraído a Covid-19.

De acordo com as informações veiculadas pelo "Il Messagero", o funcionário da Secretaria de Estado do Vaticano está hospitalizado, em total isolamento, em bom estado de saúde e sem correr risco de morrer.

Este é o quarto caso de infecção pelo novo coronavírus no Vaticano, segundo confirmou o porta-voz da Santa Sé, Matteo Bruni.

Até o momento, a Praça São Pedro está fechada para fiéis de maneira temporária, até 3 de abril, como medida de prevenção.

O papa Francisco vem celebrando as missas diárias matutinas, justamente da residência de Santa Marta. As cerimônias, assim como a Oração do Angelus e as audiências gerais das quartas-feiras estão sendo exibidas via internet.

Já o restante dos compromissos do pontífice foram suspensos por causa da pandemia do coronavírus.