EFEGenebra (Suíça)

O mundo superou nesta sexta-feira a marca de 60 milhões de casos de infecção pelo novo coronavírus, de acordo com balanço da Organização Mundial de Saúde (OMS), após a notificação, ao longo das últimas 24 horas, de mais 577.198 positivos para o patógeno.

Este foi o terceiro dia consecutivo que o índice de contágio no planeta subiu. Na quarta-feira, foram contabilizados 476.399 casos, e ontem 537.062.

As mortes provocadas pela Covid-19 no mundo chegaram a 1.420.306, segundo balanço da OMS, após o registro de mais 11.263 ao longo desta quinta-feira. Assim como no número de infecções, hoje também foi o terceiro dia consecutivo com curva crescente.

A América, com 25,5 milhões de casos e 711 mil mortes segue sendo a região mais afetada do planeta. No continente, o registro geral é de queda no contágio, embora a tendência seja de alta em países como Brasil e México.

Na Europa, que acumula 17,7 milhões de casos e 395 mil mortes, a curva de novos casos está descendendo há duas semanas, enquanto a do número de mortes avança em notificações mais elevadas do que em março e abril.

Atualmente, segundo a OMS, há 17 milhões de infecções ativas, sendo que 0,6%, cerca de 105 mil, são de pacientes que estão hospitalizados em estado grave ou crítico de saúde. Por outro lado, 42,5 milhões de pessoas já se recuperaram.