EFERedação Central

O presidente da Fifa, Gianni Infantino, nesta sexta-feira, dia do 80º aniversário de Pelé, contou a emoção que sentiu anos atrás, quando acompanhou o Rei do Futebol em um evento para lançar o filme "Pelé: O Nascimento de uma Lenda".

"Apenas uma vez na minha vida fui ao cinema com meu pai. Foi em 1981, quando assistimos a um filme que tinha Pelé, 'Fuga para a Vitória'. Em 2016, pude assistir a estreia do filme sobre Pelé, com ele, em pessoa. Assim, completei um ciclo, e muitas emoções vieram", relembrou o dirigente suíço.

Infantino foi mais umas das personalidades do mundo do futebol que se manifestou hoje sobre o aniversário do Rei do Futebol.

Nas redes sociais, a Fifa dedicou grande parte das postagens ao ex-jogador, inclusive com a publicação de memes, como a de uma imagem animada de Pelé sendo carregado nos ombros por torcedores no México, após a final da Copa do Mundo de 1970.

"Quando você tem 80 anos e ainda é o rei", indicava a legenda da publicação no Twitter.

No site da entidade, foram veiculados diversos depoimentos de antigos jogadores e personalidades sobre Pelé, como a célebre frase do poeta mineiro Carlos Drummond de Andrade: "O difícil, o extraordinário, não é fazer mil gols, como Pelé. É fazer um gol como Pelé". EFE

omm/bg