EFETóquio

As brasileiras Ana Patricia e Rebecca sofreram neste sábado (data local) a segunda derrota no vôlei de praia dos Jogos Olímpicos de Tóquio, desta vez por 2 sets a 1, de virada, para as americanas Kelly Claes e Sarah Sponcil, mas mesmo assim se classificaram para as oitavas de final.

Ana Patricia e Rebecca começaram bem e levaram a melhor na primeira parcial, mas as americanas reagiram na sequência da partida e buscaram a virada, o que lhes garantiu a invencibilidade na primeira fase da competição e o primeiro lugar do grupo D.

As brasileiras vinham de vitória sobre as quenianas Gaudencia Makokha e Brackcides Khadambi na estreia e de uma derrota para as letãs Tina Graudina e Anastasija Kravcenoka. Com isso, elas dependem de uma derrota das representantes do leste europeu para as africanas, em duelo que acontecerá ainda hoje, para ficarem com a segunda posição do grupo. Do contrário, vão avançar em terceiro lugar.

No torneio de vôlei de praia olímpico, os dois times primeiros colocados de cada chave se colocam diretamente nas oitavas, assim como os dois melhores terceiros. As outras quatro parcerias que ficam em terceiro disputam uma repescagem. Como venceram ao menos um set nas duas derrotas em que sofreram, Ana Patricia e Rebecca já têm garantida ao menos a condição de melhores terceiras.

A outra dupla brasileira também está entre as 16 melhores. Ágatha, atual vice-campeã olímpica, e Duda passaram de fase com a segunda posição do grupo C, ficando atrás das chinesas Wang Fan e Xia Xinyi.