EFEMogadiscio

Ao menos 25 pessoas morreram e 30 ficaram feridas na noite desta sexta-feira em um ataque terrorista suicida com carro-bomba contra um restaurante em Mogadíscio, capital da Somália, informou à Agência Efe o policial Abshir Nur, que estava na região do atentado.

A explosão atingiu o popular restaurante Lul Yemeni, que fica próximo do porto da cidade.

Um prédio vizinho também desabou devido ao ataque, segundo o policial. Uma operação de resgate está em andamento.

O serviço de ambulâncias Aamin, citado pela imprensa local, havia relatado mais cedo pelo menos 20 mortes e 30 pessoas feridas em decorrência do araque.

O mesmo restaurante tinha sido alvo de outro atentado suicida em agosto do ano passado, no qual pelo menos duas pessoas morreram e uma terceira ficou ferida.

O grupo jihadista Al Shabab reivindicou a autoria do ataque desta sexta, segundo a imprensa somali.

A capital frequentemente sofre ataques do Al Shabab, que é afiliado à Al Qaeda desde 2012 e controla áreas rurais do centro e do sul da Somália, onde tenta estabelecer um estado islâmico ultraconservador.