EFELa Paz

Após a renúncia de Evo Morales como presidente da Bolívia, o país é palco, na noite deste domingo, de uma série de incêndios, saques e ataques a residências, incluindo a do próprio ex-governante.

A capital La Paz e as cidades de El Alto e Cochabamba, entre outras das maiores do país, registram vários desses casos, e muitos bolivianos estão pedindo ajuda à Polícia e às Forças Armadas através das redes sociais.