EFEBerlim

Equipes de peritos da polícia conseguiram na madrugada deste sábado desativar uma bomba da Segunda Guerra Mundial de 100 quilos encontrada na praça Alexanderplatz, no centro de Berlim.

A bomba foi detectada na sexta-feira à tarde em uma construção junto a uma grande superfície comercial da Alexanderplatz, o coração do antigo setor leste da capital alemã.

A polícia preparou imediatamente um cordão de isolamento em um raio de 300 metros, enquanto estabelecimentos, escritórios e casas eram evacuadas.

Estima-se que a operação afetou cerca de 3 mil moradores da região, onde o trânsito também foi interditado, assim como o serviço de algumas linhas do metrô, trens e demais transportes públicos foi paralisado.

A operações para desativar as chamadas "bombas adormecidas" lançadas pelos aliados na II Guerra Mundial são relativamente frequentes na Alemanha.

Segundo os últimos dados policiais de 2017, só em Berlim há mais de 3 mil artefatos, granadas ou projéteis ainda enterrados, que costumam ser detectados por equipes de especialistas antes de novas construções.

O maior operação realizada até agora aconteceu em 2016, na cidade de Augsburgo, quando 54 mil moradores foram obrigados a deixar temporariamente suas casas para desativar uma bomba britânica.