EFEMadri

O Ministério da Saúde da Espanha anunciou nesta quarta-feira que o país registrou mais 1.772 casos de infecção pelo novo coronavírus, a maior quantidade em um mesmo dia desde o início da pandemia da Covid-19.

Com isso, o número de testes com resultado positivo para o patógeno que provoca a Covid-19 subiu para 305.767.

De acordo com o balanço divulgado hoje pelo governo local, a região de Aragón foi a mais afetada, com 614 casos de infecção, seguida por Madri, com 539.

O número de mortos em decorrência da Covid-19, que não é mais informado por dia, é de 25 na última semana, o que fez com que o total subisse para 28.499.

A alta na quantidade de casos já vem afetando o turismo. Hoje, a Suíça se juntou a 28 outros países que obrigam os viajantes procedentes da Espanha a fazer quarentena preventiva de 14 dias. Reino Unido, Bélgica, Noruega e Rússia já adotaram a medida.

Segundo o Ministério da Saúde, atualmente há 560 surtos de contágio ativos no território, segundo as informações divulgadas pelos órgãos regiões do setor.