EFEWashington

A democrata Kamala Harris fez história nesta quarta-feira ao se tornar a primeira mulher, a primeira negra e a primeira pessoa de origem asiática a tomar posse como vice-presidente dos Estados Unidos.

"Juro solenemente que apoiarei e defenderei a Constituição dos Estados Unidos contra todos os inimigos, estrangeiros e domésticos; que manterei verdadeira fé e lealdade à mesma", afirmou Kamala, que prestou juramento diante da juíza Sonia Sotomayor, a primeira magistrada latina da Suprema Corte dos Estados Unidos.

O juramento é uma fórmula fixa que todos os vice-presidentes americanos pronunciam quando tomam posse.

Como seus antecessores, Harris terminou seu juramento com uma promessa de que ela "bem e fielmente cumprirá as obrigações do posto" em uma cerimônia na escadaria oeste do Capitólio, a sede do Congresso dos Estados Unidos, em meio a um forte esquema de segurança.

A ex-senadora pela Califórnia, que renunciou na segunda-feira a este cargo, foi empossada como vice-presidente pouco antes de Joe Biden fazer o juramento de posse diante do presidente da Suprema Corte, John Roberts.

Kamala fez seu juramento com a mão em duas Bíblias, como reza a tradição: uma pertenceu a uma amiga da família, Regina Shelton, e a segunda ao falecido juiz Thurgood Marshall, que foi o primeiro magistrado negro da Suprema Corte e é uma das grandes referências para a agora vice-presidente.