EFECidade do México

A Secretaria de Saúde do México confirmou nesta quinta-feira mais 287 mortes por Covid-19, o que elevou o total desde o começo da pandemia para 294.715, enquanto o número de casos de infeção pelo coronavírus chegou a 3.894.364, com 3.146 nas últimas 24 horas.

Do total oficial, 21.579 são casos ativos, que apresentaram sintomas durante os últimos 14 dias e respondem por 0,5% do total. A ocupação média de leitos gerais nos hospitais mexicanos é de 17%, enquanto a das unidades de terapia intensiva é de 14%.

Com a propagação da nova variante do coronavírus, a ômicron, detectada na África do Sul, as autoridades mexicanas descartaram restrições e fechamento de fronteiras, pois consideram que as vacinas continuam sendo eficazes.

Quanto à campanha de imunização contra a Covid, 133,3 milhões de doses foram aplicadas até agora, e 77,37 milhões de pessoas tomaram ao menos uma injeção, enquanto 65,17 milhões receberam a dosagem total recomendada pelos laboratórios.

Nesta quinta-feira, o presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, anunciou que a aplicação de doses de reforço para idosos começará ainda neste mês e garantiu que o país tem imunizantes suficientes. EFE