EFEMoscou

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, visitou nesta quarta-feira, em um hospital militar de Moscou, soldados russos feridos na guerra na Ucrânia.

Imagens divulgadas pela rede de televisão "Piervy Kanal" mostraram Putin conversando com um soldado que se levantava de seu leito no hospital Mandrika.

"Ele terá orgulho de seu pai", disse Putin ao soldado, que contou ter um filho de nove meses de idade.

Um dos feridos recebeu um estilhaço no ombro e outro foi baleado no abdômen. Ambos estão se recuperando dos ferimentos.

Putin estava acompanhado pelo ministro da Defesa, Sergey Shoigu, com quem inspecionou as condições em que os feridos estão sendo tratados.

Há exatamente dois meses, em 25 de março, o Exército russo relatou baixas entre seus membros pela última vez na guerra na Ucrânia, calculando em 1.351 o total de mortos.

Segundo os serviços de inteligência do Reino Unido, os russos perderam tantos soldados em três meses - cerca de 15 mil - quanto o exército soviético durante os dez anos da guerra no Afeganistão (1979-89). EFE