EFENashville (EUA)

O segundo e último debate entre o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e o candidato do Partido Democrata a derrotá-lo nas eleições de 3 de novembro, Joe Biden, começou na noite desta quinta-feira em Nashville, no estado do Tennessee.

Para evitar um clima de confronto como o do primeiro debate, que aconteceu em 29 de setembro em Cleveland, no estado de Ohio, os organizadores desta edição decidiram que os microfones poderão ser cortados para evitar interrupções entre os concorrentes.

A campanha democrata e a Casa Branca relataram que os dois candidatos foram testados hoje para o novo coronavírus e os resultados deram negativo, em conformidade com os protocolos que Trump violou no primeiro debate ao não fazer um teste 48 horas antes de anunciar que estava com Covid-19.

Na realidade, o debate desta quinta-feira deveria ter sido o terceiro entre os dois. Porém, o segundo, marcado para 15 de outubro, em Miami, foi cancelado após o presidente americano ter sido infectado pela Covid-19, e depois ele se recusou a realizá-lo em formato virtual.

O debate acontece em um auditório da Universidade Belmont. Ele consiste em seis segmentos de 15 minutos e terá duração total de uma hora e meia. A moderação é feita por Kristen Welker, jornalista da rede "NBC News".