EFEJohannesburgo

Pesquisadores e órgãos de Saúde da África do Sul confirmaram nesta quinta-feira a detecção de mais uma variante do novo coronavírus, identificada como B.1.1.529, que possui múltiplas mutações e que deixou os especialistas em alerta, apesar da necessidades de estudos mais profundos.

A nova variante apresenta "uma nova constelação muito pouco usual de mutações, mas seu significado ainda é incerto", explicou o brasileiro Tulio de Oliveira, diretor da Plataforma de Inovação em Pesquisa e Sequenciamento de KwaZulu-Natal (KRISP).