EFELondres

A visita oficial do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ao Reino Unido incluirá um lanche com a rainha Elizabeth II e uma reunião de trabalho com a primeira-ministra britânica, a conservadora Theresa May, informou nesta sexta-feira o Palácio de Buckingham.

O governante americano chegará a Londres na manhã do dia 3 de junho e será recebido pela soberana britânica, de 93 anos; pelo príncipe Charles, e pela esposa dele, Camilla. Trump participará de uma cerimônia nos jardins do palácio e depois irá conhecer a Guarda Real.

À tarde, a rainha oferecerá um lanche para o presidente e para a primeira-dama americana, Melania Trump, e mostrará a coleção de obras de arte do palácio. À noite, está previsto um jantar em homenagem ao presidente e tanto ele quanto a rainha devem fazer discursos.

O presidente americano se reunirá já no dia seguinte com a primeira-ministra para um café da manhã de trabalho no Palácio de St. James. O encontro também contará com empresários britânicos e americanos. Trump e May irão depois ao escritório oficial da chefe de governo, onde farão uma reunião e um almoço de trabalho.

Após esse encontro, os dois devem conceder uma entrevista coletiva. May anunciou hoje que renunciará como líder do Partido Conservador em 7 de junho, mas continuará exercendo a função de chefe de governo até a legenda escolher um novo líder, no final de julho.

Na noite do dia 4 será a vez de Trump oferecer um jantar. O evento será na residência do embaixador dos Estados Unidos no Reino Unido e o príncipe Charles e Camilla estão entre os convidados.

O final da visita do governante americano, no dia 5, será marcada pela cerimônia de 75 anos da Batalha da Normandia, que será realizada em Portsmouth, no sul da Inglaterra, com as presenças de Trump e Elizabeth II, segundo o Palácio de Buckingham. EFE

gx/cdr/rsd