EFESão Paulo

O Palmeiras qualificou-se na madrugada desta quarta-feira pela quinta vez à final da Taça Libertadores apesar de cair no jogo da segunda-mão das meias finais por 0-2 contra o River Plate, que apesar de menos um jogador em campo desde os 72 minutos dominou a equipa de São Paulo.

Os golos da equipa argentina, que pressionou do princípio ao fim, foram marcados pelo paraguaio Robert Rojas (28 minutos) e o colombiano Rafael Santos Borré (43).

O Palmeiras, treinado pelo português Abel Ferreira, sofreu para chegar à sua quinta final da Libertadores, que ganhou apenas uma vez em 1998, contra o colombiano Deportivo Cali.

A equipa de São Paulo vai encontrar na final da Libertadores, marcada para a cidade do Rio de Janeiro a dia 30 desde mês, o vencedor do encontro entre o também brasileiro Santos e o argentino Boca Juniors.