EFELondres

Os adeptos do Everton mostraram recentemente o seu descontentamento com a possível contratação de Vítor Pereira como substituto de Rafa Benítez como treinador da equipa inglesa.

O português é um dos nomes mais falados para se sentar no banco dos 'Toffees', vazio depois da demissão de Benítez na semana passada devido ao mau momento atravessado pela equipa.

No entanto, Pereira não é do agrado de alguns adeptos, que pintaram um grafiti em Goodison Park, estádio do Everton, com as palavras: "Pereira fora, contratem o Lampard".

Além disso, uma centena destes reuniram-se na noite de quarta-feira nas imediações do estádio para protestar contra a direção e a sua gestão do clube.

Esta não é a primeira vez que os adeptos do Everton mostram o seu descontentamento com a contratação de um treinador. No passado verão, com rumores de que Benítez seria o escolhido, foram pendurados cartazes com ameaças ao técnico espanhol devido ao seu passado no eterno rival, o Liverpool.

Pereira vem de uma passagem pelo Fenerbahce, e ao longo da sua carreira já treinou equipas como o 1860 Munique, com o qual desceu de divisão, o Olympiacos e o Porto, o que não convence os apoiantes ingleses.

O português disse à Sky Sports que não está preocupado pela resposta dos adeptos, que as conversas com o clube têm sido "muito positivas" e que a direção está "entusiasmada" com o que propôs.