EFEBerlín

O Bayern de Munique, Borussia de Dortmund, RB Leipzig e Bayer Leverkusen planeiam criar um fundo para ajudar os clubes em dificuldades financeiras devido ao impacto económico da crise do coronavírus, de acordo com o jornal "Bild".

Representantes dos três clubes que participaram esta época na Liga dos Campeões reuniram-se na semana passada para elaborar um modelo de ajuda.

O plano é baseado numa reserva de 45 milhões da Liga Alemã de Futebol (DFL) criada para desenvolver projetos estratégicos, tais como um possível canal próprio.

Este dinheiro, se não for necessário, poderia ser distribuído entre os clubes de acordo com os parâmetros de distribuição das receitas de televisão.

Os quatro participantes da Liga dos Campeões teriam direito a 12,5 milhões deste fundo, mas estão dispostos a ceder este dinheiro para que a DFL o distribua, a seu critério, aos clubes da primeira e segunda Bundesliga que estejam em dificuldades. Além disso, os quatro clubes adicionariam um total de 7,5 milhões de euros ao fundo.