EFEMilwaukee (EUA)

Os Milwaukee Bucks de Giannis Antetokounmpo proclamaram-se esta quarta-feira campeões da NBA, o seu primeiro título em cinquenta anos, depois de derrotarem os Phoenix Suns nas finais por 4-2.

Um impressionante Giannis Antetokounmpo, con 50 pontos e 14 ressaltos, esmagou esta madrugada os Suns (105-98) para dar aos Bucks o segundo anel da sua história depois do conseguido em 1971 pela equipa de Kareem Abdul-Jabbar e Oscar Robertson.

Antetokounmpo foi eleito MVP das Finais depois de uma atuação portentosa e histórica ao longo de toda a série.

Os Bucks perdiam 0-2 depois dos primeiros dois encontros em Phoenix, mas deram a volta de forma magistral com quatro vitórias consecutivas que lhes deram o título, fazendo jus ao grito de guerra dos seus fãs "Bucks in Six" ("Bucks ganham em seis jogos").

O sexto e definitivo encontro contou com a emoção e tensão das grandes noites, com Bucks e Suns a chegarem ao último quarto com um empate a 77.

Num final muito apertado, Khris Middleton (17 pontos) juntou-se aa Antetokounmpo, o grande herói da noite, para guiar os locais até à vitória.

Os Bucks também beneficiaram do mau encontro de Devin Booker, extraordinário nestes playoffs para os Suns mas com uma tímida atuação neste sexto duelo (19 pontos, com 8 em 22 lançamentos e 6 perdas de bola).

Chris Paul, que aos seus 36 anos disputou e perdeu as suas primeiras Finais, foi a principal referência dos Suns com 26 pontos e 5 assistências.