EFERedação Central

O corpo que foi retirado entre os destroços do pequeno avião que caiu nas águas do Canal da Mancha no dia 21 de janeiro foi identificado esta quinta-feira como o do jogador argentino Emiliano Sala, informou a polícia de Dorset, no Reino Unido.

"O corpo levado hoje (quinta) ao porto de Portland foi formalmente identificado pelo médico legista de Dorset como o do jogador profissional Emiliano Sala", disse a polícia nas redes sociais.

"As famílias do senhor Sala e do piloto David Ibbotson (ainda não localizado) foram informadas. Os nossos pensamentos permanecem com todos eles", acrescentaram.

No último domingo, uma equipa de buscas contratada pela família de Sala encontrou a aeronave submersa no Canal da Mancha, 67 metros abaixo do nível do mar e ao norte da ilha de Guernsey, que fica entre Inglaterra e França.

Entre as imagens feitas da fuselagem do avião foi localizado um corpo que foi recuperado pelo Departamento de Investigação de Acidentes Aéreos do Reino Unido (AAIB) da forma "mais digna possível".

O corpo foi levado a Portland, em Inglaterra, mas o avião não pôde ser retirado do fundo do Canal devido às difíceis condições meteorológicas.

O avião tinha como único passageiro o jogador argentino, contratação mais cara da história do Cardiff City, quando desapareceu dos radares a 21 de janeiro. Sala tinha embarcado em França, onde defendeu o Nantes antes de acertar a transferência para o clube que disputa a Premier League inglesa.