EFELos Angeles (EUA)

Centenas de fãs de Kobe Bryant estiveram reunidos no lado de fora do Staples Center, casa dos LA Lakers, entre outros, em luto pelo seu ídolo, que morreu num acidente de helicóptero este domingo.

Kobe e a filha Gianna, de 13 anos, além de outras pessoas -nove no total- morreram na queda de um helicóptero em Calabasas, no estado da Califórnia.

Fora das instalações do Staples Center, casa dos Lakers, única equipa que Kobe defendeu ao longo dos 20 anos de carreira, os fãs montaram memoriais para o jogador e a sua filha, levando arranjos de flores e animais de peluche em memória de Gianna, filha que Kobe treinava pessoalmente por causa da grande paixão que tinha pelo basquetebol.

Numa entrevista concedida à CNN na semana passada, o ex-jogador disse que estava confiante que Gianna um dia poderia jogar com os homens na NBA e admitiu que já havia várias jogadoras com qualidade suficiente para fazer o mesmo.

"Acho que há duas jogadoras que poderiam competir na NBA na atualidade, honestamente. Há muitas jogadoras com muita habilidade que poderiam fazer isso. Diana Taurasi, Maya Moore, Elena Delle Donne. Há muitas grandes jogadoras por aí", comentou.